Redário

 

Big Band Blues

blues

Da união da Big Band de música instrumental “Na Gaveta” com a banda “Paulo Gazela Blues Band” nasceu o projeto Big Band Blues. A proposta é ilustrar um momento da música americana (décadas 20, 30 e 40) no qual o sucesso do swing das Big Bands contagiou a música feita nas fazendas do interior do Mississipi, o Blues.

 

A ideia surgiu do baixista, compositor e produtor Tiago Pallone, da “Na Gaveta” que convidou Paulo Gazela para participar desse projeto. Os arranjos ficaram à cargo de Tiago Pallone, que também é o baixista da banda. Além de Bruno Mothe e Raphael Gonçalves, guitarrista e baterista da “Paulo Gazela Blues Band”, a banda conta com quatro saxofones, dois trompetes e dois trombones.

 

No repertório do Show “Big Band Blues”, resurgem clássicos do Blues das décadas de 40 e 50 como Louis Jordan, T-Bone Walker, BB King, Freddie King, Muddy Waters, Ottis Hush, além de algumas composições próprias de Paulo Gazela. O resultado é uma festa musical que transporta o público à uma outra época.

 

“O Blues sofreu uma influência pesada das Big Bands de Swing que eram sucessos entre o público negro e o resultado mais marcante foi o surgimento de artistas como Louis Jordan, que incorporaram o formato e a linguagem desse estilo no Blues, e posteriormente, músicos como BB King, Albert King e Buddy Guy, que imortalizaram essa proposta.” – comenta Gazela.

 

“Não só o Blues sofreu a influência do Swing, como as Big Bands também incorporavam o Blues em seu repertório. Bandas como “Count Basie” tinham composições dentro do formato do Blues, e chegavam a fazer shows acompanhados de cantores do Blues” – complementa Tiago Pallone.

 

Hoje a “Big Band Blues” se apresenta nos circuitos SESC e SESI do estado de São Paulo e nas melhores casas de show de Campinas e região. Em destaque estão:  show de encerramento 1º Fest In Blues de Campinas, na Concha Acústica do Taquaral ao lado da banda Blues Etílicos e Mud Morganfield (filho do lendário Muddy Waters), que contou com um público de mais de 5 mil pessoas; Virada Cultural de Campinas em 2013; 1º aniversário do Villa Blues em Botucatu em 2013;  Almanaque Café (que ganhou o prêmio de melhor bar de música ao vivo de 2013 pela Veja Campinas), onde a banda se apresenta bimestralmente;  Bluesteco Festival de Americana em 2013, entre outros.

© 2018 by Redário. 

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle